Jornada Científica Favelades Universitáries acontece em novembro

Publicado originalmente em Jornal O Cidadão por Carolina Vaz. Para acessar, clique aqui.

Em cerca de um mês, um evento online vai reunir pesquisadoras(es) de favela do Rio de Janeiro, de todas as áreas do conhecimento. Trata-se da I Jornada Científica Favelades Universitáries, entre os dias 16 e 20 de novembro, promovida, além do CEASM e Museu da Maré, pelo Fórum Favela Universidade, Rede de Empreendimentos Sociais para o Desenvolvimento Socialmente Justo, Democrático e Sustentável/ Casa Viva, Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) e Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ).

Será a realização de uma organização que já vem durando meses, encabeçada pelo Fórum Favela Universidade. O evento tem como proposta promover a divulgação sócio-técnico-científica-cultural de projetos e iniciativas produtoras de conhecimento, conduzidas por estudantes e lideranças sociais moradores das favelas e periferias do Estado do Rio de Janeiro. A Jornada já recebeu as inscrições de oficinas e minicursos e, até o dia 18 de outubro, recebe inscrições de trabalhos a serem apresentados. Podem submeter trabalhos estudantes de graduação e pós-graduação, que morem ou tenham morado nos territórios de favelas e periferias do Estado do Rio de Janeiro. Também podem se inscrever pesquisadoras(es) vinculadas(os) a organizações, movimentos sociais, coletivos populares e outros, baseados ou com atuação em favelas e periferias do Rio de Janeiro, contanto que o trabalho a ser apresentado tenha sido desenvolvido conjuntamente com algum Instituto de Pesquisa ou Instituição de Ensino Superior. É importante saber que o momento da inscrição já demanda a submissão do resumo do trabalho, então é fundamental estar com esse documento pronto, de acordo com modelo disponível no site. A inscrição de ouvintes será liberada no dia 16 de outubro.

Os trabalhos devem estar dentro de um dos nove temas que compõem a Jornada: Educação para a vida; Saúde e Bem Viver; História, Memória e Patrimônio; Geociências; Artes, Música e Literatura; A vida no prisma das Exatas; Viver nas Cidades; Gestão para o Estado e as Empresas; e Tecnologia da Informação e Comunicação.

Jornada Científica Favelades Universitáries: quais caminhos levam os favelades à Universidade e a Universidade à Favela?

Programação:

Além dos trabalhos reunidos em simpósios temáticos e das oficinas e minicursos, o evento contará com apresentações culturais, rodas de conversa de projetos de extensão e apresentações artísticas. Destacam-se na programação até então divulgada a mesa Conferência de Abertura que será proferida por Jean Wyllys, doutorando em Ciências Políticas em Barcelona, e a Conferência de Encerramento, com Fernando Haddad, ex-ministro da Educação e professor.

Veja a programação completa divulgada até o momento:

16/11 – terça-feira

09h às 10h30 – Mesa de Abertura

Palestrantes:

José Leonídio Madureira de Sousa Santos

Alessandro Batista

Cláudia Rose

Elisabeth Campos

10h45 – 12h – Conferência de Abertura

Jean Wyllys

13h10 às 15h30 – Apresentação de trabalhos

17/11 – quarta-feira

10h45 às 12h15 – Mesa: Racismo Intitucional / Estrutural (Cadê os professores pretos na Universidade?)

13h30 – 15h30 – Apresentação de trabalhos

18/11 – quinta-feira

10h45 às 12h15 – Mesa: Por uma Ciência Cidadã / Novas perspectivas epistemológicas sobre a produção de conhecimento

13h30 às 15h30 – Apresentação de trabalhos

19/11 – sexta-feira

10h45 às 12h15 – Mesa: Manutenção da Matrícula – Dificuldades econômicas, sociais e políticas na permanência do estudante favelado no curso superior

13h30 às 15h30 – Apresentação de trabalhos

20/11 – sábado

10h45 às 12h15 – Mesa: Qual extensão universitária queremos?

12h15 às 13h15 – Conferência de Encerramento

Palestrante: Fernando Haddad

Mais informações podem ser encontradas no site do evento e nas redes sociais:

Site: https://www.even3.com.br/favela_universidade/

Instagramhttps://www.instagram.com/forumfavelauniversidade/

Facebook: https://www.facebook.com/Fórum-Favela-Universidade/

Email do eventojornadacientificaffu@gmail.com

O Fórum Favela Universidade

O Fórum Favela Universidade é fruto de uma primeira roda de conversa, em dezembro de 2018 no Museu da Maré, entre universitários, representantes da Pró-reitoria de Extensão da UFRJ e da Cooperação Social da Fiocruz, Rede CCAP de Manguinhos, além de educadores do CEASM. A partir dessa primeira conversa sobre os desafios e possibilidades da vivência de faveladas e favelados na universidade, outras reuniões se sucederam e nasceu o Fórum Favela Universidade. Nele se reúnem estudantes e egressos de instituições de ensino superior e pré-vestibulares comunitários, na intenção de debater temas pertinentes a suas realidades, e lançando esse olhar da favela sobre a ciência e tecnologia, mercado de trabalho e saúde mental. O Fórum tem uma organização interna a partir de Grupos de Trabalho, e é realizado um encontro mensal, de acesso aberto, para debater algum tema central. O Encontro Fórum Favela Universidade é o momento de troca entre todas e todos que compõem o Fórum e de debate de temas específicos, como “Memória como direito humano” e “Direito à Cidade”.

Primeira roda de conversa que originou o fórum, em dezembro de 2018. Foto: Renata Soares.

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on email
Share on linkedin
Share on telegram
Share on google

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Language »
Fonte
Contraste