Consumo de vinho pode prevenir a covid-19?

Publicado originalmente em Nujoc Checagem por Thaís Guimarães. Para acessar, clique aqui.

Desde o advento da pandemia da covid-19, são constantes o boatos acerca de curas milagrosas ou de métodos para prevenir a doença. Um dos boatos que tem ganhado força em grupos de WhatsApp é o de que o vinho pode prevenir a covid-19 por conta da ação do ácido tânico e dos polifenóis, que supostamente inibem as principais enzimas do SARS-CoV-2.

“Recomenda que os cidadãos consumam alimentos e bebidas ricos em taninos para aumentar sua imunidade. É o caso de uvas, vinho, banana, chá e vegetais. Divulgue essa novidade, dê uma alegria aos seus amigos e outras pessoas”, diz um trecho da mensagem que vem sendo compartilhada, a qual tivemos acesso por meio do aplicativo Eu Fiscalizo.

A informação, no entanto, é falsa.

O texto que está sendo compartilhado no WhatsApp faz menção a uma pesquisa feita por pesquisadores norte-americanos, no entanto, o estudo em questão se encontra em fase inicial e só apresentou resultados da fase in vitro (em células de laboratório).

Recentemente, a Associação Brasileira de Sommeliers (ABS), com sede no Rio Grande do Sul, emitiu uma nota de esclarecimento, ratificando que até o momento não foi comprovado que o vinho pode prevenir a covid-19.

“O experimento noticiado pela revista cientifica foi realizado in vitro, ou seja, em células em laboratório. Por essa razão, os autores reforçam que mais estudos são necessários para demonstrar o efeito real em seres humanos. Existem inúmeros estudos que já demostram que os polifenóis, grande classe onde os taninos são encontrados, agem inibindo ou reduzindo a replicação viral por diferentes mecanismos .O estudo publicado pela American Journal of Cancer Research apenas nos mostra que precisamos ainda investir muito na ciência e, assim, muitos benefícios dos derivados da uva serão encontrados. Consuma vinho com moderação de forma contínua, evitando ingestões abusivas e esporádicas, que estão diretamente relacionadas ao aparecimento de vários tipos de cânceres”, diz um trecho da nota da ABS.

Diante disso, não podemos afirmar que o vinho previne a covid-19, assim, a mensagem que está sendo compartilhada via WhatsApp é equivocada, e se trata de mais um caso de desinformação veiculada na internet indiscriminadamente. Vale ressaltar que até o momento as únicas medidas eficazes de combate ao novo coronavírus é o distanciamento social e a vacinação.

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on email
Share on linkedin
Share on telegram
Share on google

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Language »
Fonte
Contraste