Publicado originalmente em instagram de Para Você Entender. Para acessar, clique aqui.

Para que o Sars-Cov-2 seja freado e exista a redução do número de novos contágios e mortes por covid, governos do mundo todo elaboram diferentes intervenções não farmacológicas, como a utilização de máscaras, distanciamento social, higienização das mãos e o lockdown. O resultado destas ações governamentais está sendo pesquisado e diversos estudos estão sendo divulgados.
Artigos recentes mostram que as medidas que mais resultam na redução da disseminação do vírus são toques de recolher, lockdowns e restrição de locais que comportem muitas pessoas, incluindo restaurantes, escolas, lojas e festinhas em residências.
A cidade de Araraquara, que realizou um lockdown de 10 dias, mostrou queda de 57,5% de novos casos, e 39% de redução de mortes por coronavírus. Outro dado importante é que, como o número de pacientes da cidade de Araraquara diminuiu, a cidade passou a receber pacientes de outras cidades, desafogando o sistema de saúde da região.
O problema das medidas mais rígidas de restrição são os efeitos colaterais. Evasão escolar, subnutrição infantil, desemprego, violência doméstica e depressão estão crescendo no mundo todo.
Para que a situação mundial seja revertida, temos a solução: A vacina! Em países como Israel, onde a maior parte da população já está recebendo a segunda dose da vacina, houve uma redução de 98,9% de mortalidade causada por covid. Todos nós queremos que a economia se recupere, que as crianças voltem para a escola e que a nossa vida retorne à normalidade. Para isso, precisamos nos vacinar. Cobrem por vacina! Dos prefeitos, governadores e presidente.

Fontes: Nature, Science, Prefeitura de Araraquara, Projeto Urbie Maps Ufscar.

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on email
Share on linkedin
Share on telegram
Share on google

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Language »
Fonte
Contraste