Vamos defender a Escola Pública!

Publicado originalmente em Brasil de Fato por Heleno Araújo e edição de Vanessa Gonzaga. Para acessar, clique aqui.

A Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação (CNTE) realiza a 22ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública, entre os dias 26 e 30 de abril. Com o objetivo de envolver a população brasileira para discutir, refletir e agir em defesa da escola pública, os sindicatos dos trabalhadores em educação municipais e estaduais estarão organizando debates sobre diversos temas de influência direta na educação pública, além de ações simbólicas para manifestar nossa força em defesa e promoção da escola pública, com o tema geral: “Sem ensino público, sem chance. Aprenda essa lição!”

Vamos iniciar a semana com atos simbólicos pelo Brasil em defesa e na promoção da educação básica pública. Tendo como temas de referências, nesse primeiro dia, o programa de militarização da escola pública e a Reforma Administrativa que o governo Bolsonaro pretende aplicar em nosso país.

Na terça-feira (27), às 10h, teremos um twitaço nacional com hastags que podem ser vistas e compartilhadas no site e nas redes sociais da CNTE. Neste dia vamos conversar com a população brasileira sobre a gestão pública da educação versus a gestão privada, debater sobre o financiamento público, defendendo os motivos de porque o dinheiro público deve ser destinado para a escola pública, a fim de garantir uma educação pública com a gratuidade do ensino. Já no dia 28 de abril, vamos falar e ouvir as vozes dos segmentos da comunidade escolar, sob o lema “Qual escola que temos? E qual escola que queremos?”. O desafio é captar o que pensam trabalhadores/as, estudantes e familiares sobre a escola pública? A gestão democrática da escola e o financiamento público da educação vão balizar estes diálogos.

Na quinta-feira (29), vamos debater sobre as responsabilidades que os parlamentos (Câmara Municipal, Assembleia Legislativa/Distrital e Congresso Nacional) têm no atendimento ao direito à educação pública. Questionamos as propostas de Reforma Administrativa e da homescholling (educação em casa, domiciliar, sem matricular a criança na escola). Queremos discutir os impactos destas propostas na educação e nas escolas públicas.

Nesse ano de 2021, a 22ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública da CNTE acontece quando das comemorações do centenário de nascimento do Patrono da Educação Brasileira, o educador Paulo Freire. Para comemorar este fato, reafirmando a grandeza e importância desse pensador, fecharemos a semana com atividades culturais e lúdicas. Por entender que educação e cultura são bases fundamentais da valorização profissional e da promoção da escola pública, iremos defender e reafirmar o papel da escola como a instituição central na formação cidadã do nosso povo.

A Direção da CNTE convida você para acessar as redes sociais dos Sindicatos da Educação do seu Município e do seu Estado e conferir a programação completa das ações na semana. A ideia é que todos/as possam participar das atividades durante o dia e, ao longo da semana, sempre às 19h desse período que compreende as datas de 26 a 30 de abril, pelo Facebook e YouTube da CNTE, acompanhar e participar das transmissões ao vivo de fechamento das ações diárias.

Acreditamos na força popular! Só juntas e juntos conseguiremos fazer valer o direito humano e social à educação pública, com a qualidade social que defendemos e a valorização dos seus/uas profissionais, atuando em um ambiente com as condições adequadas para o desenvolvimento do processo de ensino e aprendizagem.

Vamos defender a Escola Pública! E essa defesa só pode vir se soubermos valorizar e promover esse tão importante espaço na vida de todos/as!

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on email
Share on linkedin
Share on telegram
Share on google

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Language »
Fonte
Contraste