Alergia a componente nem sempre contraindica vacina, explica especialista

Publicado originalmente em União Pró-Vacina por Thaís Cardoso. Para acessar, clique aqui.

Com o início da vacinação contra a covid e o aumento da desinformação sobre o tema nas redes sociais, é comum encontrar pessoas com dúvidas básicas sobre vacinas em geral. Para esclarecer algumas delas, o segundo episódio da série especial sobre imunização produzida pelo USP Analisa vai abordar os componentes e a segurança das vacinas e em que caso elas podem ser contraindicadas. Os entrevistados são o enfermeiro especialista em imunização e criador do canal Hora de Vacinar, Leandro Torres, e a bióloga e doutoranda da Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto da USP Amanda Goulart.

Diante de um cenário com tantos questionamentos da população, Amanda chama a atenção para a importância do papel dos profissionais de saúde na orientação das pessoas. “Se você tem alguma dúvida, o ideal é consultar um médico, um enfermeiro, alguém que seja especializado, para que ele consulte a bula daquela vacina e veja quais são os componentes e quais pessoas podem ou não tomá-la. Essas informações estão disponíveis na bula. Todos os profissionais de saúde e até mesmo pessoas leigas conseguem encontrar isso em alguns locais. Informação é para a gente utilizar”, destaca ela. 

Embora algumas vacinas sejam contraindicadas em determinadas situações, como alergia aos componentes, Leandro lembra que não há motivo para pânico. “Se, por exemplo, eu tenho uma alergia, mas é uma alergia leve, que com um anti-histamínico que o médico prescreva eu consigo controlar, eu tenho que tomar vacina. Mas se eu tenho reação gravíssima, tenho um choque anafilático à vacina ou ao ovo? Eu não vou poder tomar. Só que aí entra a questão da coletividade. Se eu tenho a maior parte da minha população vacinada, eu automaticamente estou transferindo uma proteção indireta para essas pessoas que não podem tomar a vacina”, afirma o enfermeiro.

Amanda e Leandro, que integram a União Pró-Vacina, destacaram ainda a iniciativa Todos Pelas Vacinas, cujo site disponibiliza uma série de materiais para esclarecer outros questionamentos do público leigo sobre esse tema. 

A segunda parte da entrevista vai ao ar nesta quarta (24), a partir das 18h05, com reapresentação no domingo (28), às 11h30. O programa também pode ser ouvido pelas plataformas de áudio iTunes e Spotify

USP Analisa é uma produção conjunta do Instituto de Estudos Avançados Polo Ribeirão Preto (IEA-RP) da USP e da Rádio USP Ribeirão Preto. Para saber mais novidades sobre o programa e outras atividades do IEA-RP, inscreva-se em nosso canal no Telegram.

Compartilhe:

Share on whatsapp
Share on twitter
Share on facebook
Share on email
Share on linkedin
Share on telegram
Share on google

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Language »
Fonte
Contraste